Notícias

Ver todas

Jornal UFG

Ver Todas

Eventos

  • 20240403_151152

    Exposição fotográfica "Cerrado,flores e abelhas"

    11 Mar a 03 Mag

    20240403_151152

    Exposição fotográfica "Cerrado,flores e abelhas"

    "Cerrado, Flores e Abelhas” é uma exposição fotográfica que busca conscientizar o público da importância da preservação das abelhas para a polinização das flores nativas do Cerrado e cultivadas, e mostrar que mesmo no tronco de árvore morto, aparente sem vida, habitam várias abelhas de espécies diferentes. A maioria das plantas não realiza a autofecundação, e para que haja a propagação da espécie, é necessário que ocorra a polinização, um processo fundamental para que ocorra a reprodução das plantas, e formação de frutos e sementes. As abelhas são responsáveis por 75% da polinização para a produção de alimentos. Para evitar a diminuição da produção de alimentos e desequilíbrio ambiental, é necessário que haja a proteção das abelhas, para que elas não entrem em processo de extinção.
    A exposição de fotografias faz parte do projeto de extensão “O Cerrado e suas faces: Conscientização da comunidade sobre a importância da preservação ambiental por meio da arte”. Esta ação de extensão tem como objetivo auxiliar na conscientização da população acerca da importância de se preservar o Cerrado e suas abelhas. O processo de conscientização é trabalhado por meio de poesias e exposições fotográficas de abelhas com e sem ferrão, associação com as flores nativas do Cerrado e cultivadas. Para tanto, as imagens e espécies foram fotografadas pela professora Tatiana de Sousa Fiuza (Instituto de Ciências Biológicas, da Universidade Federal de Goiás - ICB/UFG), as abelhas identificadas pelo professor Pedro Vale de Azevedo Brito (ICB/UFG), as espécies botânicas pelo professor Heleno Dias Ferreira ICB/UFG), identificação dos pássaros pelo professor Jairson Araújo de Oliveira. Esta exposição conta com poesias inspiradas nas imagens escritas pelo poeta professor Luiz Carlos Cunha (Faculdade de Farmácia - FF/UFG) e colaboradores da FF/UFG professora Virgínia Farias Alves, professor José Realino de Paula, professor Edemilson Cardoso da Conceição, Elgia Procópio Diniz, Luiza Toubas Chaul, Gisana Cristina Alves Bueno, Pollyanna Bárbara Henrique, Luiza Toubas Chaul, Pollyanna, Ruama Cristine Teixeira Alves, Stone de Sá, Bárbara Henrique, coordenador do projeto: professor Pierre Alexandre dos Santos.
  • Evento 15 a 19 de abril de 2024

    Workshop Semiotics after geontopower

    15 Apr a 19 Apr

    Evento 15 a 19 de abril de 2024

    Workshop Semiotics after geontopower

    O Workshop Semiotics after Geontopower com Elizabeth Povinelli (Columbia University, EUA) vai acontecer de 15 a 19 de abril de 2024 na UFG.

    O Workshop será um evento presencial e gratuito. Esta é uma oportunidade de diálogo crítico sobre a produção de significados em torno da colonialidade da crise climática, relações de poder, territórios, desigualdades raciais e conflitos articulados no capitalismo do século XXI.

    A pesquisadora convidada Elizabeth Povinelli (Columbia University, EUA) desenvolve uma discussão crítica sobre a articulação entre Colonialismo, Liberalismo Tardio, linguagem, semiótica, política e estética, tanto no contexto da teoria crítica quanto da arte criativa do Karrabing Film Collective (grupo de produção visual do povo Karrabing, do noroeste australiano).

    O workshop é uma realização dos grupos de pesquisa Perspectivas Linguísticas Contemporâneas e Núcleo Caroá. É apoiado pelo PPG Letras e Linguística e pelo PPG Antropologia Social e tem financiamento da Fapeg, do Proex/PPGLL e do PDPG/PPGAS.

    Em breve, mais detalhes da programação em site próprio e no site dos grupos de pesquisa envolvidos: 

    https://perspectivas.letras.ufg.br/

    https://caroa.fcs.ufg.br/

    Haverá tradução simultânea Inglês-Português-Inglês na maior parte das atividades do workshop.

  • EP_UFG_2024_01

    Grupo de Estudos e Pesquisa em educação, trabalho e saúde

    16 Apr a 28 Mag

    Comemoração proposta pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Trabalho e Saúde (Gepets), Centro Brasileiro de Estudos de Saúde - Núcleo Goiás (Cebes-GO) em parceria com o Centro Brasileiro de Estudos de Saúde Nacional, Pequi com SUS/UFG, Centro Brasileiro de Estudos de Saúde - Núcleo Agreste Alagoano, Centro Brasileiro de Estudos de Saúde - Núcleo Piauiense, Centro Brasileiro de Estudos de Saúde - Núcleo Rio Grande do Sul, Grupo de Estudos Cronologia Biográfica Marxiana, Grupo de Pesquisa em Odontopediatria e Clínica Integrada da UFPB, Liga Acadêmica de Educação em Saúde/UFG, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva/UFG e Programa de Pós-Graduação em Ensino da Saúde/UFG. 

    A Associação Latino Americana de Medicina Social (Alames), como expressão da esquerda sanitária latino-americana, a cada Congresso revive e atualiza o interesse em fortalecer sua vigência, sua dinâmica, seus significados, seus sentidos e suas formas organizativas. 

    Sustentada ao longo do tempo, por quase 40 anos, a capacidade de convocação, o entusiasmo e a participação em cada Congresso comprometem-se a encontrar formas organizativas que potencializam as forças que a dinamizam e, ao mesmo tempo, que mantenham certo grau de "unidade na diversidade" que permita fixar rumos e tornar seu agir cada vez mais coerente. 

    Alames para que? 

    A Alames é cada vez mais necessária. Preparar-se e organizar a resistência para a sobrevivência pode ser algo diferente de preparar-se para uma ofensiva montada sobre um paradoxo que, enquanto enfrentamos retrocessos políticos com o surgimento de forças políticas de ultradireita, as provas, os indicadores e as evidências sobre a capacidade destrutiva do capitalismo e sobre a ameaça à nossa própria sobrevivência como espécie tornam-se cada vez mais contundentes e avassaladoras. 

    E para comemorar este momento importante na história da América Latina, selecionamos duas obras de autores seminais que fizeram diferença nesta história de luta pela Saúde Coletiva: Cecília Donnangelo, do Brasil e Jaime Breilh, do Equador. Serão dois ciclos de estudos com leitura coletiva das obras destes autores. 

    Ciclos de estudos comemorativo aos 40 anos da Alames 

    O primeiro ciclo se iniciará com Cecília Donnangelo, que foi escolhida para este momento comemorativo por ser considerada uma das pioneiras na construção teórica de um pensamento social em saúde no Brasil e na América Latina. A obra escolhida é “Saúde e Sociedade “, publicada em 1976 por Cecília Donnangelo e Luiz Pereira. Como escreve a própria autora, “o estudo assume mais propriamente a forma de um ensaio, no sentido de que se optou pela elaboração de uma gama variada de informações passíveis de ampliar a compreensão do campo da prática médica, em lugar do desenvolvimento de uma tese delimitada com vistas à elucidação, em profundidade, de um objeto de análise” 

    O segundo ciclo de estudos se debruçará sobre a mais recente obra de Jaime Breilh, “Epidemiologia crítica e la salud dos pueblos”ciência ética e valiente em um civilizacion malsana publicado originalmente em inglês em 2021, e em espanhol em 2023. Jaime Breilh é um dos autores mais proeminentes da Medicina Social Latina Americana (MSLA), considerado um dos fundadores da MSLA e que há quatro décadas vem produzindo ciência com um olhar para a discussão da determinação social em saúde. 

    Com isso, atendendo a convocatória da comemoração dos 40 anos do ALAMES, o GEPETS e o CEBES-GO compreendem que a melhor forma de realizar este ato é resgatando a memória com uma obra clássica da saúde coletiva e uma obra atual. E nada melhor do que fazer o estudo de forma coletiva, participativa e contando com o envolvimento dos que continuam na luta de pensar um mundo que enfrente as desigualdades sociais em suas raízes. 

    Cronograma

    Assuntos sugeridos a serem discutidos na preparação da comemoração: 

    1. História, aprendizados e desafios dos desenvolvimentos da medicina social e da saúde coletiva em cada país. 
    2. Análise da situação política e organizacional atual do movimento de medicina social e saúde coletiva em cada país e o papel do Capítulo Nacional da ALAMES. 
    3. Projeção futura para o fortalecimento do movimento de medicina social e saúde coletiva em cada país e regionalmente: estratégias de ação. 

    Primeiro ciclo de debate 2024/1: Livro Saúde e Sociedade 

    LEITURA DE CECÍLIA DONNANGELO 

    Link do Livro

    DATA 

    FACILITADOR(A) 

    PÁGINAS

    16 de Abril 

    Jéssica/Acaahi 

    01-28

    30 de Abril 

    Flávio/Joaquim 

    29-68

    14 de Maio 

    Marcos PPGES/UFG Anália PPGSC/UFG

    69-94

    28 de Maio 

    Ana Costa , Leonardo Carnut (Unifesp)

    Recomenda-se leitura prévia das páginas indicadas.

     

    Segundo ciclo de debate 2024/2: Epidemiología crítica e la salud dos pueblos ciência ética e valiente em um civilización malsana 

    LEITURA DE JAIME BEILH 

    Link do Livro

    DATA 

    FACILITADOR(A) 

    PÁGINAS

    03 de Setembro 

    Ricardo FEFD/UFG Lauriana PPGSC/UFG

    Prefácio 

    Cap. 1 (p. 21-86)

    17 de Setembro 

    Wilton UFP 

    Cap. 2 (p. 87-166)

    01 de Outubro 

    Edna CEBES/Cebes AL Cap. 3 (p.167-267)

     

    15 de Outubro 

    Juliana CEBES/ Cebes RS

    Cap 3 (p. 268-313)

    29 de Outubro 

    Cristiane Lemos, Carlos Pinones Rivera

    Recomenda-se leitura prévia das páginas indicadas.



    Os encontros ocorrerão quinzenalmente, de maneira remota via Google Meet conforme cronograma. 

    Horário: 19h às 22h 

    Link para inscrições: https://forms.gle/VkhPPPsymYwK1TFV9

     

     

     

  • Pint of Science_CARD 1

    Pint of Science 2024 – Goiânia

    13 Mag a 15 Mag

    Inscrições: não é necessário inscrever-se previamente. Basta chegar aos bares e lá preencher o formulário eletrônico.

    Certificado: o evento vale certificação de horas complementares.

     

    STORY COM DUAS LOGOS BARES

     

    Rodas de conversa entre amigos, garçons que descem bebidas geladas, música ao fundo, ruído de gente que fala alto e petiscos no centro da mesa. Isso combina com um papo sobre ciência? É por acreditar que sim que um grupo de pesquisadoras e de pesquisadores da Universidade Federal de Goiás (UFG) aderiu à edição de 2024 do Pint Of Science. O evento vai ocorrer em Goiânia entre os dias 13 e 15 de maio, com emissão de certificados aos participantes. A coordenação é da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) da UFG. O projeto é internacional, ocorrendo simultaneamente em diversos países do mundo. 

    A iniciativa tem o propósito de difundir o conhecimento científico de forma simples, dialogada e prazerosa, como requer o ambiente do botequim. E não é preciso ser nerd para entrar no bate-papo: basta chegar no Rock Uai Bar e Pub, no Setor Nova Suíça, e no Public 36 Rock Bar, no Setor Marista, para conferir as atividades, que vão começar a partir das 19 horas. Haverá sorteio de brindes, além de discotecagem e música ao vivo após as apresentações dos(as) cientistas. 

    O público poderá conferir – regado à música, bebida e petiscos – temas como inteligência artificial, música brasileira, poesia encenada, computação quântica e melhorias proteicas na alimentação. Além disso, os cientistas vão demonstrar como a ciência pode ajudar no gerenciamento do lixo cotidiano, com a transformação desses resíduos em recursos. 

     

    Programação

     

    Bar: Public 36 Rock Bar

     

    13 de maio de 2024 (segunda-feira)

    Tema: Da picanha do gado curraleiro ao whey protein: que proteína é essa? 

    Professora Maria Clorinda Soares Fioravanti – Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ) da UFG

    Professora Cristiane Cominetti – Faculdade de Nutrição (Fanut) da UFG. 

     

    14 de maio de 2024 (terça-feira)

    Tema: De resíduos a recursos: a ciência transforma a vida

    Professor Nelson Antoniosi – Instituto de Química da UFG. 

     

    15 de maio de 2024 (quarta-feira)

    Tema: O pianeiro na música brasileira 

    Professor Robervaldo Linhares Rosa – Escola de Música e Artes Cênicas da UFG

     

    Bar: Rock Uai Bar e Pub

    13 de maio de 2024 (segunda-feira)

    Tema: Inteligência Artificial: o segredo por trás das trends

    Professor Ricardo Limongi França Coelho – Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas (Face) da UFG. 

     

    14 de maio de 2024 (terça-feira)

    Tema: Computação Quântica: a próxima revolução tecnológica já começou  

    Professor Guilherme Luiz Zanin – Instituto de Física da UFG. 

     

    15 de maio de 2024 (quarta-feira)

    Tema: Poesia para quê? Versos no botequim.
    Corpo de Voz – Projeto de Extensão da UFG. Professor Jamesson Buarque de Souza, professora Tarsilla Couto de Brito e professor Wilton Divino da Silva Júnior – Faculdade de Letras (FL) da UFG.  



      

     

Ver todos

Fique Atento

  • Pint of Science_CARD 1

    Pint of Science 2024 – Goiânia

    13 Mag a 15 Mag

    Inscrições: não é necessário inscrever-se previamente. Basta chegar aos bares e lá preencher o formulário eletrônico.

    Certificado: o evento vale certificação de horas complementares.

     

    STORY COM DUAS LOGOS BARES

     

    Rodas de conversa entre amigos, garçons que descem bebidas geladas, música ao fundo, ruído de gente que fala alto e petiscos no centro da mesa. Isso combina com um papo sobre ciência? É por acreditar que sim que um grupo de pesquisadoras e de pesquisadores da Universidade Federal de Goiás (UFG) aderiu à edição de 2024 do Pint Of Science. O evento vai ocorrer em Goiânia entre os dias 13 e 15 de maio, com emissão de certificados aos participantes. A coordenação é da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) da UFG. O projeto é internacional, ocorrendo simultaneamente em diversos países do mundo. 

    A iniciativa tem o propósito de difundir o conhecimento científico de forma simples, dialogada e prazerosa, como requer o ambiente do botequim. E não é preciso ser nerd para entrar no bate-papo: basta chegar no Rock Uai Bar e Pub, no Setor Nova Suíça, e no Public 36 Rock Bar, no Setor Marista, para conferir as atividades, que vão começar a partir das 19 horas. Haverá sorteio de brindes, além de discotecagem e música ao vivo após as apresentações dos(as) cientistas. 

    O público poderá conferir – regado à música, bebida e petiscos – temas como inteligência artificial, música brasileira, poesia encenada, computação quântica e melhorias proteicas na alimentação. Além disso, os cientistas vão demonstrar como a ciência pode ajudar no gerenciamento do lixo cotidiano, com a transformação desses resíduos em recursos. 

     

    Programação

     

    Bar: Public 36 Rock Bar

     

    13 de maio de 2024 (segunda-feira)

    Tema: Da picanha do gado curraleiro ao whey protein: que proteína é essa? 

    Professora Maria Clorinda Soares Fioravanti – Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ) da UFG

    Professora Cristiane Cominetti – Faculdade de Nutrição (Fanut) da UFG. 

     

    14 de maio de 2024 (terça-feira)

    Tema: De resíduos a recursos: a ciência transforma a vida

    Professor Nelson Antoniosi – Instituto de Química da UFG. 

     

    15 de maio de 2024 (quarta-feira)

    Tema: O pianeiro na música brasileira 

    Professor Robervaldo Linhares Rosa – Escola de Música e Artes Cênicas da UFG

     

    Bar: Rock Uai Bar e Pub

    13 de maio de 2024 (segunda-feira)

    Tema: Inteligência Artificial: o segredo por trás das trends

    Professor Ricardo Limongi França Coelho – Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas (Face) da UFG. 

     

    14 de maio de 2024 (terça-feira)

    Tema: Computação Quântica: a próxima revolução tecnológica já começou  

    Professor Guilherme Luiz Zanin – Instituto de Física da UFG. 

     

    15 de maio de 2024 (quarta-feira)

    Tema: Poesia para quê? Versos no botequim.
    Corpo de Voz – Projeto de Extensão da UFG. Professor Jamesson Buarque de Souza, professora Tarsilla Couto de Brito e professor Wilton Divino da Silva Júnior – Faculdade de Letras (FL) da UFG.  



      

     

A UFG

A Universidade Federal de Goiás foi fundada em 1960 com a fusão de cinco faculdades já existentes. Com 104 cursos de graduação, mais de 6 mil vagas disponíveis por ano na graduação e mais de 28 mil alunos, está presente nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia e Goiás. Além da graduação, a UFG oferece 78 cursos de pós-graduação entre mestrados, doutorados e mestrados profissionais.

Reitoria UFG

Galeria de Fotos

Localização
Campus Goiânia
Campus Goiás
Campus Aparecida de Goiânia
Clique para carregar o mapa

Campus Samambaia

Avenida Esperança s/n

Campus Colemar Natal e Silva

5ª Avenida - Setor Leste Universitário

Campus Aparecida de Goiânia

Estrada Municipal, Quadra E Área Lote 04, Bairro Fazenda Santo Antônio, Aparecida de Goiânia - GO

Clique para carregar o mapa

Campus Jatobá - Cidade Universitária

BR 364, km 195, nº 3800

CEP 75801-615

Campus Riachuelo

Rua Riachuelo, CP 03

CEP 75804-020

Clique para carregar o mapa

Campus I

Av. Dr. Lamartine Pinto de Avelar, 1120

Setor Universitário - CEP 75704-020

Campus II

Avenida Castelo Branco, s/n

Setor Universitário - CEP 75704-020

Clique para carregar o mapa

Avenida Bom Pastor, S/n - Setor Areião, Goiás

Clique para carregar o mapa

Estrada Municipal, Quadra E Área Lote 04, Bairro Fazenda Santo Antônio, Aparecida de Goiânia - GO